A derrota da Seleção Brasileira na Copa do Mundo

INRI CRISTO disse em diversas entrevistas que só quem estivesse invocando diretamente o ALTÍSSIMO, sem intermediários, seria vitorioso.

“Deus é o único instrumento de fé.”

[INRI CRISTO] recomendou que jogadores e técnicos invocassem aos céus para buscar inspiração durante o torneio…

(vide matéria publicada pelo G1 em 08/07/2014: https://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/2014/07/ex-goleiro-inri-cristo-diz-que-julio-cesar-e-o-imperador-da-trave.html )

INRI CRISTO avisou em tempo hábil, todavia, por ignorância, fanatismo ou até mesmo burrice, o técnico Felipão prevaricou quando insistiu em invocar a estátua, induzindo seus colaboradores à adoração de ídolos.

felipao-estatua

E ainda impôs a armadilha de adoração ao imperador da trave, desconsiderando que o ALTÍSSIMO, Supremo CRIADOR e único SENHOR do Universo, é o único Ser digno de adoração e veneração (“Eu sou o SENHOR, este é o meu nome; não darei a outro a minha glória, nem consentirei que se tribute aos ídolos o louvor que só a mim pertence – Isaías c.42 v.8).

julio-cesar-estatua

Sim, Julio César foi o imperador da trave.

E assim como sucedeu ao imperador romano no passado, cujos senadores o traíram quando se armaram em conspiração, o goleiro Júlio César foi desguarnecido pelos que deveriam apoiá-lo na defesa da trave. O sistema de defesa da seleção brasileira não cumpriu a contento a obrigação de barrar os adversários alemães. Os que poderiam beneficiar o goleiro, seja porque estavam impossibilitados, seja porque foram preteridos pelo técnico, se fizeram ausentes, levando o imperador da trave a sucumbir.

Para completar o quadro e repetir a cena fatal imortalizada na dramaturgia, só faltou Júlio César dizer ao técnico:

“Até tu, Felipão!”

Agora que está tudo consumado (“Consumatum est”), e a disputa pelo campeonato mundial se reveza entre alemães e argentinos, só resta aos brasileiros caminhar firme com os pés no chão e traçar novos rumos em direção à vitória, seja ela política, social ou no foro íntimo.

Nos dizeres de INRI CRISTO:

“Vitorioso será aquele que direta e unanimemente, sem intermediários, invocar o Supremo CRIADOR, o ALTÍSSIMO, para receber a bênção, a proteção, a vitória. Aquele que ficar sob as graças do ALTÍSSIMO por havê-lo invocado sem intermediários será vitorioso. Mas nem sempre o vitorioso é campeão, e nem sempre o campeão é vitorioso. Eis a enigmática charada.”

A charada está esclarecida.

Post anteriorGazeta Esportiva visita INRI CRISTO na sede da SOUST
Próximo postMatéria na Gazeta do Povo

DEIXAR UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2 × dois =